Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Secretaria de Justiça e Sistemas Penal e Socioeducativo
Início do conteúdo

Socioeducandos, servidores e professores do Case Novo Hamburgo têm formatura do Projeto Conexões Restaurativas

Iniciativa tem como objetivo o estímulo ao desenvolvimento do autoconhecimento, da empatia e do respeito mútuo

Publicação:

Imagem ilustrativa
Vinte e três adolescentes participaram do curso

Servidores e adolescentes do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) Novo Hamburgo e professores da Escola Bento Gonçalves, que funciona dentro da unidade, celebraram na tarde de quarta-feira, 23, a conclusão do curso de Multiplicadores de Paz.

Este momento se constituiu em umas das ações do Projeto Conexões Restaurativas que Abrem Portas do Programa Municipal de Pacificação Restaurativa da Prefeitura Municipal de Novo Hamburgo. 

A iniciativa tem como objetivo o estímulo ao desenvolvimento do autoconhecimento, da empatia e do respeito mútuo, por meio dos círculos de paz. A dinâmica visa fomentar esses sentimentos nos integrantes. Foram 23 jovens, em duas turmas, formados no projeto ministrado no Case.

Durante os meses de setembro, outubro e novembro, 10 adolescentes que cumprem medida de internação sem possibilidade de atividade externa (ISPAE) e quatro em cumprimento de medida com possibilidade de atividade externa (ICPAE) participaram da formação com duração de 20 horas. “Eu achei muito legal, aprendi a respeitar, ouvir, sobre lealdade, humildade. Estou mais calmo, escutando todo mundo”, relatou um adolescente de 17 anos. 

O projeto Conexões Restaurativas que Abrem Portas ocorre no âmbito do Programa Municipal de Pacificação Restaurativa (Restaura NH), que foi idealizado em 2018 em Novo Hamburgo por meio da Secretaria Municipal de Segurança, e atua em comunidades, instituições e escolas, com foco em situações conflitivas, de violência ou onde há necessidade de fortalecimento de vínculos.

Acompanharam a solenidade a diretora socioeducativa, Simone Weber, a coordenadora pedagógica da Fase, Clarissa Quadros, o diretor do Case NH, Elói Spohr, o secretário de segurança de Novo Hamburgo, Roberto Jungthon, a coordenadora do Restaura NH, Beatriz Pontes Ferreira da Rosa, a diretora da Escola Bento Gonçalves, Rosana Chinazzo, servidores e familiares.

*Com informações da Prefeitura de Novo Hamburgo

Método utiliza círculos de construção de paz
 

Site FASE